TOLERÂNCIA

REFLEXÃO
Enviado pelo Irm
CARLOS FABIO
08.06.22

Ter tolerância é sinal de amor?

Tolerar não é o mesmo que amar, mas no exercício dessa indulgência, nós estaremos nos preparando para sermos mais pacientes, e paciência é uma virtude que adquirimos ao longo das experiências.

Ainda que não amemos verdadeiramente alguém, procuremos não apenas tolerar, mas também compreender essa pessoa e aceitá-la como ela é, sem, entretanto, nos fazermos coniventes com seus erros.

Será sempre de bom tom, sermos mais flexíveis algumas vezes, ganhando tempo para melhor avaliarmos cada situação que surja.

Tolerância zero não é soma a favor de ninguém. Muito pelo contrário, é divisão, enfraquecendo as amizades ou relacionamentos, ou seja, não acrescentando nada. Por isso, não nos deixemos afetar por essa falsa verdade ou mera impressão.

É através da tolerância que exercitamos ou desenvolvemos em nós a compreensão, porque em algum momento da vida já contamos com a tolerância de alguém, e, no dia de amanhã poderemos necessitar que outras pessoas nos tolerem também.

Tolerar não é dar a mão à palmatória, e nem mesmo sermos coniventes com determinadas atitudes, mas sim, reconhecer e tolerar nos outros a falha que pode também haver em nós.

Que hoje seja marcado pela abundância de paz e de amor.

 

 

 

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *